QUERO ASSIM: VOCÊ CHUPA MINHA BUCETA E TEU TIO FODE MEU CU.

Então! Aquele que consideramos o Macho fixo da minha esposa/puta, ligou dizendo que precisa viajar pelo estado de São Paulo mais alguns dias.  Na ausência do Pauzudo, nesses dias todos, outros Machos bem-dotados foderam muito bem a minha puta. O que fez falta, foram as putarias com:  O CASAL DO SUL, A FAMÍLIA QUE FODE UNIDA, SANDRA A VIZINHA CASADA E TÃO PUTA QUANTO A LURDES. –  Claro que houverem momentos memoráveis nos eventos putânicos com outras presenças:  Rosa por exemplo, a esposa do FÊSSOR.  Uma bela mulher, completa, adora pau e buceta, e curte um sexo maravilhosamente bem feito. Tem o Negão da Praia, Rosalvo, grande pau! Bom fodedor, e boa gente. Simplesinho, mas devidamente competente foi o Chacareiro. Com um belo cacete, meteu espetacularmente bem fazendo a Lurdes gozar total. Achei meio fraca aquela putaria com a Lurdes, Rosa e o   Novinho! Aquele que comeu o cu do FÊSSOR! Boa, muito boa foi Buceta com Buceta entre Sandra e Lurdes. A comida de cu foi bem-feita, ruim foi a não comida de Buceta devido a alergia a XANA pelo Italiano-Genovês. Não esquecendo a Família que fode unida, e que para a alegria da minha esposa e de nós está vindo para ficar alguns dias aqui no litoral. – Essa informação nos foi dada pela Rosa, sobrinha do tio-Pauzudo que junto com a esposa Iva chegam na próxima semana. E nessa não vem a filha deles. A Loirosa muito puta e gostosa.  Lurdes a alguns dias vem gozando na punhetinha e auxilio do consolo. – Querida esposa/puta!  Não queres uma gostosa Buceta hoje? Ou, posso tentar arrumar um   grande grosso?   Ui corninho!  O que está mais próximo:  Pau ou Buceta? – Hum?  Legal!  Boa!  Liga para ela e convida! –  Mais tarde liguei e ficou acertado que a Rosa viria lá pelas 20 horas. Senti que Rosa gostou do convite inicialmente para tomar umas geladas, na sequência muita boca na Buceta. – Lurdes ainda fez um comentário desgraçadamente bom e oportuno. – Corno! VÊ SE FODE O CU DA ROSA ENQUANTO ESTIVERMOS NOS CHUPANDO TÁ? – Sim esposa/puta! Foderei. – A Rosa chegou, vestido leve, solto sem soutien e sem calcinha. Sei porque ela sentou no sofá e fez questão de mostrar que estava com a Bucetona desprotegida. –  Ao contrário da nossa amiga, a minha esposa   vem para a sala só de calcinha… –  Nossa! Que tesão de mulher! – isso quem disse foi Rosa. As duas se sentaram e durante a conversa, rolavam beijos e pegação. Foi assim por um bom tempo. As duas estavam começando a se ajeitarem para um 69. Enquanto não acontecia os peitos da minha esposa eram lambidos e sugados nos mamilos pela deliciosa boca da Rosa. Lurdes manda a amiga chupar mais…assim…  chupa…. delicia……  Rosa começa a tirar a calcinha da Lurdes que abre as pernas e deixa a amiga mergulhar exatamente onde está sua bucetona. Com a boca colada na XANA, Rosa vai se livrando do vestido. Estão ali, na minha frente, dois   lindos corpos de mulheres casadas que recentemente começaram a   foder com outros Machos, fazendo seus maridos cornos mansos.  – O mesmo balanço dado quando estão levando pau, a Lurdes dava com sua Buceta na boca da Rosa. Que engolir minha buceta é?  Vai…chupa mais meu grelinho…uiiiiii     —— delicia de Buceta você tem   amigaaaa…   hammmm Rosa está decidida a fazer Lurdes gozar em sua boca. Ativa o “turboceta” (ISSO É UMA BOCA TURBINADA PARA BUCETA) – e daí a minha esposa/puta não resiste.  Grita que: você chupa muitooooo   que loucuraaa.   bem na sua boca…  assim…  estou gozanndo0ooo.  aiiiii     hammm uiiiiiii    lambe…  chupa…. faz o que vocêeeeee    quizeer……….   aiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiii

Rosa permanece com a boca colada na Buceta saboreando até a última gota do gozo da Lurdes. Subiu no sofá, lado a lado, abraçadas, pernas entrelaçadas, coxas pressionando as duas Bucetas, elas recomeçaram a obra prima que é a” ARTE SEXUAL AO VIVO DE DUAS MULHERES.” – Elas Colaram o velcro. As duas pareciam terem pintos, pois era como se estivessem   se fodendo, e estavam, só que esse momento   é único de duas mulheres que se unem bucetamente falando. – Rosa que ainda não havia gozado, anuncia que vai…. quero te comer  todinha sua  puta….Lurdes  responde  aos gemidos…que  faça  isso  lindaaa   faça…me  come…uiiiiii      mais..mais  que eu  também   vouuuuuuuu   aiiiiiiiiiiiiii        buceta  bucetaaa bucetaaaa     aiiiiiiiiiiiiiii Lurdes  se  entrega  total e  com as  duas  pernas  abertas  levantadas, recebia  em um…digamos  “frango assado” a  Bucetona da  Rosa abocanhando a   sua. Suor e Bucetas. Coisa linda de se ver. Foram ao banheiro, claro, aos beijos e abraços, se refizeram e todos tomamos uma gelada. Lurdes me da uma piscadinha discreta. Entendi. Na próxima eu deveria foder o cu da Rosa. – Lurdes entre amassos e beijos diz a Rosa que tem um desejo ainda não realizado e gostaria que fosse agora. – O que você quiser amiga!  fala a Rosa – Quero um 69 com você, e o corninho metendo no teu cuzinho. Uii   você  quer? Não vai brigar comigo? Se estou pedindo, é porque quero!  Você já viu   casada puta brigar porque seu corno vai foder uma amiga?  Eu não faço isso! –  Tá bom amiga.  desculpe… topo sim!  E recomeçou os beijos a pegação   e eu fiquei pelado com pau duro. Aliás meu pau está duro desde a hora em que a Rosa chegou.  Lurdes por baixo, língua na Buceta da Rosa que por cima, empinava a bunda e chupava a Buceta da amiga. Fiz um carinho na Rosa, alisei sua bunda, uma delícia de bunda. Dedilhei o cuzinho, e   ela gemeu. – “UM CORNO PREVENIDO, NÃO VALE MAIS DO QUE UM CORNO PEVENIDO!” O lubrificante já estava comigo. Passei da cabeça ao talo e um pouco no cuzinho da esposa do FÊSSOR.  Me ajeitei, encostei a cabeça, forcei, e….. tá lá dentrooo!  Hummmm   ouvi da Rosa que empurrou a bunda no meu cacete.  Meu pau deslizou cu a dentro.  Tarado por esse cu, rapidamente dei início ao vai e vem. Fui metendo, dando fincão atrás de fincão. Eram firmes as estocadas.  Lurdes fala lá de baixo, na zona do agrião:  – Mete corno! Mete!  Deliciaaaa    cu guloso esse….   fode corno   fode mais, mais….    acelerei… senti que não ia demorar e gozaria no cu que faz tempo venho monitorando. Várias vezes coloquei devagar que era para degustar aquele cu tão demorado para chegar. – Pau gostoso corno!  Falou a Rosa.  Fode corno!   Fode que eu vouuuuuu….       Rosa estava gozando com uma boca na Buceta e um pau no cu.  Lurdes entra no embalo   e grita para a amiga chupar mais….  e também   começa a gozarrr.       vejo que não dá para segurar.  Estoco da cabeça ao   talo.  E minha porra jorra dentro do delicioso CU DA ROSA. Sinto a língua da Lurdes a lamber a porra escorrida.  Foi   magnifica a gozada de nós três.  – Tio o pau, vou ao banheiro, logo vem a Rosa seguida da Lurdes e entram as duas para uma ducha.  Comemos um salgado, tomamos outras duas geladas e Rosa se despede e vai para sua casa que fica próximo da nossa. – Ao sair olha para a minha esposa e pergunta:  Preparada para o tio? – Preparadíssima amiga! – Vou dar muito gostoso para o tio. Você vai ver! Nessa eu também vou dar!  Quero meu tio fodendo minha buceta-   completou a Rosa. Para começar quero assim:  Você chupando minha buceta e o tio  fodendo meu  cu. – Completou minha esposa/puta.

Deixe um comentário